A grande maioria das sementes precisam de umidade constante, ausência de luz e temperatura entre 20° e 25°C para uma boa germinação.

No caso da alface, deve-se retirar do escuro quando os peletes se partirem e as plântulas iniciarem seu crescimento.

Procure realizar a retirada do escuro no final da tarde, para que as sementes, que por acaso estiverem atrasadas, germinem e alcancem as de maior vigor e favoreça uma germinação mais uniforme.

Irrigue as placas germinadas desde o início com solução nutritiva. Nunca utilize água proveniente de plantas mais velhas. Tenha uma solução única para essas plântulas para que não ocorra contaminação por patógenos.

Lembre-se que, após a germinação, o alface gosta de mais luz do que a rúcula e agrião. No caso do uso das Bandejas Green-up, as mudas são produzidas sem o entrelaçamento de raízes, e podem ser transplantadas um pouco maiores.

Pós germinação:

Se utilizar o berçário, mantenha os mesmos procedimentos: nunca utilize água com nutrientes proveniente de plantas mais velhas.

Na produção de mudas, a higiene nas instalações e tubulações de água é fundamental. Realize a troca de solução fertilizante a cada ciclo.

Utilize armadilhas de cores azul e amarela com cola para captura de insetos.

Sempre que possível utilize controle biológico.

Para uso de defensivos agrícolas, consulte um engenheiro agrônomo e aplique somente quando atingir o nível de dano econômico.

Leave a Reply